DETALHES DE UM PALÁCIO: O estilo Luís XVI

corredor SITE symunay 20210420_115703

mosaico SITE symunay 2021

 

Em um passeio pelos corredores do Palácio Tiradentes, inaugurado em 1926, o visitante poderá constatar que nos corredores e galerias o mosaico francês, em estilo Luís XVI, estilo arquitetônico predominante na França do século XVIII. O mosaico está no piso nos corredores do segundo e terceiro andares, além de ser visto também no Plenário Barbosa Lima Sobrinho.

O estilo arquitetônico e de interiores, a que nos referimos,  que leva o nome do rei Luís XVI (1754-1793) surgiu por volta de  1760, logo, antes deste rei  assumir o trono francês. Sabe-se que nem sempre um estilo nasce somente com a nomeação de certo rei, ou mesmo desaparece assim que o tal monarca morre.

 

Texto e Fotos:  Symone Munay

 

Caminhos do Brasil-Memória: Confira a programação

Caminhos do Brasil -ILUSTRA SITE memória 2019 valendo

Dando continuidade à programação do projeto Caminhos do Brasil-Memória – Centro Histórico Praça XV, confira a agenda nos diversos equipamentos culturais no Centro do Rio:

No Palácio Tiradentes a “Exposição Dante…Vale” poderá ser visitada de 20 de outubro a 15 de janeiro de 2022, de segunda a sexta das 10h às 19h. Sábados das 10h às 17h. A épica obra do poeta italiano Dante Alighieri é retratada na exposição por meio de 17 esboços originais de carros alegóricos que desfilaram em diferentes edições do carnaval de Viareggio, cidade italiana com 148 anos de tradição da festa popular.  Mais informações: www.dantevale.com.br.

O acesso ao palácio estará aberto com restrição de público, para evitar aglomerações, e respeitando as regras sanitárias de distanciamento.

O tour virtual, exposição permanente “Palácio Tiradentes: Lugar de Memória do Parlamento Brasileiro”, poderá ser feita no palaciotiradentes.rj.gov.br até que o espaço seja definitivamente aberto para as visitas monitoradas, previsto para novembro.

Tel: (21) 2588 1251

Museu Histórico Nacional (MHN) ampliou a exposição temporária “A botica mais tradicional do Brasil”, que celebra os 150 anos da empresa carioca Granado. Lembramos que o circuito térreo do museu está funcionando de quinta a sábado, das 10h até às 16h. É necessário a apresentação de comprovante de vacinação contra a Covid-19. Confira todas as informações em mhn.museus.gov.br.

Já o “Bonde da História em casa” segue com passeios virtuais pelo circuito do MHN, com a participação de convidados em interação com o público. Mais informações em youtube.com/museuhistoriconacional_rio.

Tel: (21) 3299 0324


Museu da Imagem e do Som (MIS) inaugurou a exposição “O Encanto e a Beleza da Querida Carmen Miranda” que reúne 40 aquarelas do peruano Alfonso Málaga Cuba, que vive no Rio desde 2007. A mostra pode ser visitada gratuitamente na sede da instituição, na Rua Visconde de Maranguape, 15 – Lapa. De terça a sexta-feira das 11h às 17h. O MIS estreiou na Rádio Roquette-Pinto (94,1 FM), com a jornalista Anagélica Rodrigues, o programa “Nas Ondas da História”, recebendo convidados para um bate papo tendo o Rio de Janeiro e o acervo do MIS como pano de fundo das histórias.

Tel: (21) 2333 2144

Paço Imperial apresenta a “Exposição dos Vencedores do PIPA 2020”, instituto que foi criado em 2010 para a apoiar o desenvolvimento da arte contemporânea brasileira, ocupando os 280 metros quadrados do Terreiro do Paço. São 30 obras dos quatro finalistas: Gê Viana, Maxwell, Alexandre, Randolpho Lamonier e Renata Felinto.   Já a artista carioca Ursula Tautz apresenta a mostra “O Som do Tempo ou tudo que se dá a ouvir”, com curadoria de Ivair Reinaldim, na Sala Terreirinho. Entre as atrações do paço, está a “Coleção Banerj”, constituída de 880 obras de arte entre pinturas, desenhos, gravuras e esculturas dos séculos XIX e XX. De terça a domingo das 12h às 18h.  Sábados, domingos e feriados das 11h às 18h.

Tel: (21) 2215 5162

Museu da Justiça do Rio de Janeiro reabriu as portas para visitação com a inauguração da exposição “Pandemias e Epidemias no Rio de Janeiro”. A mostra rememora as principais epidemias que atingiram a cidade do Rio de Janeiro ao longo de sua história até os dias atuais e propõe uma reflexão sobre o papel dos agentes públicos, da sociedade e do Poder Judiciário no enfrentamento destes males. Em dezembro, a Exposição “Centenário do Palácio da Justiça de Niterói” fará parte das comemorações dos cem anos de construção da sede do Judiciário do antigo estado do Rio de Janeiro, completados no ano passado.

O museu disponibiliza em seu portal uma galeria virtual e diversas atividades. Para saber mais da programação, acesse: ccmj.tjrj.jus.br

Tel: (21) 3133 3768

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) disponibiliza no site ccbb.com.br/rio-de-janeiro/programacao/ a agenda de suas atividades presenciais e virtuais. O centro está aberto das 9h às19 h, exceto às terças-feiras. A exposição “Nise da Silverira – a revolução pelo afeto” reúne cerca de 90 obras de clientes do Museu de Imagens do Inconsciente. A “Mostra Betty Faria – 80 anos” apresenta 11 longas-metragens, além dos títulos virtuais, em diferentes momentos da carreira da atriz.  Domingo, segunda e quarta, das 09h às 19h. Quinta, sexta e sábado das 09h às 20h. No mês de outubro o CCBB abre o maior festival de música do ano: o Rock Brasil celebrando os 40 anos do gênero brasileiro dos anos 1980.

Tel: (21) 3808 2020

 A Irmandade Santa Cruz dos Militares mantém a igreja aberta à visitação do público nas segundas, quartas e sextas-feiras, das 9h às 13h. A sala de exposições do museu está temporariamente fechada. Durante o ano é possível apreciar a boa música no espaço. Para receber a programação basta se inscrever pelo iscm.org.br/gestao-cultural/. Uma exposição virtual pode ser vista pelo http://www.iscm.org.br/historia/museu/.

Tel: (21) 2506 7600

 Centro Cultural Correios (CCC) está aberto para visitação com oito exposições entre elas “O Sertão Virou Mar” de Azol, nome artístico Sérgio Azevedo Oliveira,  artista potiguar que apresenta exposição multimídia com curadoria de Marcus de Lontra. De terça a sábado, das 12 às 19h. Informe-se no centroculturalrj@correios.com.br

Tel: (21) 2253-1580

Por Symone Munay

Ilustração: Fernando Ebert