PALÁCIO TIRADENTES ESTARÁ ABERTO NESTE SÁBADO COM A EXPO DANTE…VALE

 

EXPO DANTE SITE 4 20211019_Munay

 

PALÁCIO TIRADENTES ESTARÁ ABERTO NESTE SÁBADO COM A EXPO DANTE…VALE

O Palácio Tiradentes estará aberto ao público a partir das 10 horas, deste sábado (13/10), com a “Exposição Dante…Vale”, que usa a sátira dos mestres do carnaval de Viareggio para exaltar “A Divina Comédia”, uma das obras literárias mais famosas do mundo, de autoria do poeta italiano Dante Alighieri que ganha esta homenagem especial no Rio de Janeiro quando se completam 700 anos de sua morte.

A obra de Dante é retratada na exposição por 17 esboços originais de carros alegóricos que desfilaram em diferentes edições do carnaval de Viareggio, cidade italiana na região da Toscana, onde a festa popular tem 148 anos de tradição.

Venha conferir!

 

Serviço:

O que: “Exposição Dante Vale”

Onde: Salão Nobre do Palácio Tiradentes. Rua Primeiro de Março, s/n – Praça XV – Centro.

Quando: 19/10 até 15/01/2022. De segunda a sábado das 10h às 17h. O acesso para cadeirantes poderá ser feito pela Rua Dom Manuel, s/n, atrás do palácio.

ENTRADA GRATUITA.

Mais sobre a exposição: www.dantevale.com.br

Por Symone Munay

 

MÚSICA DE NEGUINHO DA BEIJA-FLOR VIROU HINO OFICIAL DO MARACANÃ

Maracanã Marcelo Côrtes

MÚSICA DE NEGUINHO DA BEIJA-FLOR VIRA HINO OFICIAL DO MARACANÃ

 

Domingo, eu vou pro maracanã
Vou torcer pro time que sou fã
Vou levar foguetes e bandeira

São os primeiros versos da canção “O Campeão”, de Neguinho da Beija Flor, agora é Hino Oficial do Estádio do Maracanã. A Lei 9.454/21, de autoria dos deputados Chiquinho da Mangueira (PSC) e André Ceciliano (PT), foi sancionada e publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (12/11).

“Fazendo busca na internet, vimos que não havia um hino oficial. Nestas buscas sempre aparece a composição ‘O Campeão’, do Neguinho da Beija-Flor, que é cantada por todas as torcidas e também reconhecida mundialmente. Nossa proposta oficializa essa união entre a música e o estádio”, justificaram os autores.

Nas redes sociais, Neguinho da Beija-Flor afirma estar em êxtase de tanta alegria ao receber a notícia.

“Minha música ‘Domingo eu vou ao Maracanã’, também com os subtítulos de ‘O Campeão’ e ‘Meu Time’, 43 anos depois, foi escolhida para virar hino do templo do futebol”, comemorou o compositor.

Por Comunicação/Alerj

GILBERTO GIL É ELEITO PARA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS

 

 

GIL PBABL 2021-10-19t000000z_144862438_mt1imgost000t5o8of_rtrmadp_3_imago-images

 

GILBERTO GIL É ELEITO PARA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS

O cantor e compositor Gilberto Gil foi eleito (11/11), com 21 dos 34 votos para a cadeira número 20 da Academia Brasileira de Letras (ABL), vaga com a morte, em 27 de maio do ano passado, do jornalista Murilo Melo Filho. Os outros dois concorrentes foram o poeta Salgado Maranhão e o escritor Ricardo Daunt. Os acadêmicos participaram da votação de forma presencial ou virtual, sendo que um deles não votou por motivo de saúde. Os ocupantes anteriores da cadeira 20 foram Salvador de Mendonça (fundador), Emílio de Meneses, Humberto de Campos, Múcio Leão e Aurélio de Lyra Tavares.

O “imortal” foi nomeado “Artista da Paz”

Nascido em Salvador em 26 de junho de 1942, Gilberto Passos Gil Moreira, foi também vereador na Câmara Municipal de sua cidade de 1989 a 1992 e ministro da Cultura, entre 2003 e 2008.

Na década de 1950, inspirado por Luiz Gonzaga, Gilberto Gil iniciou sua carreira tocando acordeon. Com a ascensão no gênero musical da Bossa Nova, passou a tocar violão e, em seguida, a guitarra elétrica.  Em seu primeiro LP, Louvação, lançado em 1967, traduziu em música elementos regionais, como em outras composições, como Procissão, Roda e Viramundo.

Em 1963, a parceria com Caetano Veloso e a adesão ao movimento Tropicália, acabou internacionalizando a música, o cinema, as artes plásticas, o teatro e a arte brasileira. O movimento gerou descontentamento do regime militar vigente à época, e os dois parceiros acabaram exilados. O exílio em Londres contribuiu para a influência do mundo pop na sua obra e chegou a gravar um disco na Europa, com canções em português e inglês.

São ao todo quase 60 discos e em torno de 4 milhões de cópias vendidas, tendo sido premiado com (09) nove Grammy . Na literatura, quatro livros: O poético e o político e outros escritos, 1988 – com Antonio Risério; Gilberto bem perto, 2013 – com Regina Zappa; Cultura pela Palavra, 2013 – com Juca Ferreira e Disposições amoráveis, 2016 – com Ana de Oliveira.

Gilberto Gil vêm sendo reconhecidas por várias nações, que já o nomearam, entre outros, “Artista da Paz”, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em 1999; foi embaixador da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO); além de receber condecorações e demais prêmios, entre eles a Légion d’ Honneur da França – Ordem Nacional da Legião de Honra -, a Sweden’s  Polar Music Prize –   chamado de Prêmio Nobel de Música da Suécia, apresentado pela primeira vez em 1992.

 

 

Por Symone Munay

Foto: Reprodução/Site ABL